montagem menezes

[Coluna do Menezes] Retrospectiva Geek 2017

Com 2017 já um pouco distante, é hora de fazer promessas e olhar para trás para ver o saldo das experiências e do conhecimento adquirido.  JANEIRO O mês de janeiro que costuma ser menos visado em lançamentos emblemáticos, porém esse ano começou já agitado com o universo de Resident Evil se reinventando novamente com o…

O fim da ficção (e o começo do teatro)

(mais) Livrarias que amamos em Nova York

Por: Mariana Tomazelli Nova York abriga um crescente número de livrarias independentes, que têm conseguido se manter relevantes apesar da competição com as grandes redes e a Amazon. A tendência recentemente observada no mercado americano tem sido a vitória dos extremos: por um lado a Amazon cresce devido aos preços super competitivos que apresenta; por…

image

[meu país das maravilhas] Sobre promessas não cumpridas

Por: Isa Leite 2017 foi um ano difícil, muito difícil. e foi também, infelizmente, um ano de promessas não cumpridas. Durante o tempo ensaiei e comecei diversas resenhas, de livros que foram fundamentais pra mim, mas todas elas ficaram abandonadas em algum ponto. Por isso, pra começar 2018 exorcizando todos os demônios corretos, decidi abrir…

estante

[Coluna do Menezes] O prazer de colecionar

Houve tempos em que coleção era coisa dos extremos da vida: ou matéria de crianças com seus bonés, álbuns de figurinhas e bolinhas de gude; ou distração de aposentados atrás de relíquias como moedas antigas e, ápice dos ápices, selos, muitos selos. Mas isso foi há tempos longínquos. O hábito colecionista agora já é outro: atinge todas…

livros

[Trecho da semana] Um amor incômodo

Aqui n’O Espanador sempre discutimos se grifar livros é um ato de barbárie ou uma forma de tornar a leitura ainda mais particular. Alguns marcam o livro com marcador de texto, outros com post-its coloridos, alguns se arriscam e fazem comentários a lápis e outros chegam ao extremo de escrever a caneta (existem até uns…

antonio

[meu país das maravilhas] Minhas tardes com Antonio

Por: Isa Leite Em 2009 eu ingressei naquele que, talvez, tenha sido o primeiro grande sonho da minha vida: a faculdade de Letras na USP. Eu era uma jovem da classe pobre que estava ascendendo à média (obrigada, governo Lula), vinda da periferia e com nenhuma tradição literária, mas sabia com toda a certeza da…

books

[Coluna do Menezes] O nerd é pop?

Ou o pop é nerd? A resposta não faz a menor diferença, especialmente se observada a linha do tempo que, entre filmes, jogos e livros, elevou às alturas o gosto pela ficção e pela fantasia. O termo nerd ou geek parece ter ganhado alcance tão significativo que agora quase equivale a descolado, cool. Mas nem…

aue

[Grifos] Desculpe o auê

Na minha lista de melhores leituras de 2016, fiz uma categoria para “Os melhores livros que li pela metade”. A coisa foi tão ruim ano passado no quesito leituras (e em outros quesitos também, porque VAMOS COMBINAR…) que eu tive vontade de criar outra categoria, ainda mais sem vergonha na cara, que era “Os melhores…