As melhores leituras de 2019 da Ana

Por: Ana Graphie

Sobre ossos dos mortos – Olga Tokarczuk (Tradução de Olga Baginska-Shinzato; Editora Todavia)

O livro me pegou pela capa, aparentemente fofa vista de longe e surpreendente de perto, e
representa muito bem a historia. No livro acompanhamos a historia de Dusheiko, uma
professora aposentada que mora numa localidade afastada, ao leste da Polônia e perto da
fronteira com a Checoslováquia. Nesse local isolado acontecem mortes suspeitas de
moradores importantes. A autora consegue costurar muito bem nesse livro astrologia, defesa
dos animais, intrigas de cidade pequena e poesia num thriller policial.

A Vegetariana – Han Kang (Tradução de Jae Hyung Woo; Editora Todavia)

Uma mulher comum para, de um dia para o outro, de comer carne. Seu marido, seu cunhado e
sua irmã narram às consequências bizarras dessa decisão. Não é um livro fácil, ele segue por
caminhos estranhos e perturbadores.

Minha coisa favorita é Monstro – Emil Ferris (Tradução: Érico Assis; Editora Cia. das Letras)

Algo fundamental para eu ler e gostar de uma HQ é o desenho. Se eu não gostar do desenho,
não leio. Não importa se a historia é interessante, se eu gosto do autor ou se é muito elogiado.
Essa foi uma grata exceção. Quando eu folheei pela primeira vez, não consegui identificar uma
história; parecia um caderno de adolescente rabiscado com um monte de desenhos, e a ideia é
essa mesma. Mas no meio de desenhos aparentemente desconexos existe uma historia
desconcertante.

Karen é uma menina solitária e aficionada por historias de terror, que investiga a morte
misteriosa da sua vizinha. Nisso ela vai descobrindo e enfrentando monstros reais e
imaginários.

Top 1 a 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *