[Post da colaboradora] Jantares de cinema

Por: Danusa Penna

“Isto não é um livro, no sentido comum da palavra. Não, isto é um prolongado insulto, uma cusparada na cara da Arte, um pontapé no traseiro de Deus, do Homem, do Destino, do Tempo, do Amor, da Beleza… e do que mais quiserem. Vou cantar para você, um pouco desafinado talvez, mas vou cantar.”
Henry Miller, Trópico de Câncer

Bom, coloco esta frase de Henry Miller para mostrar o que eu, Danusa Penna, livreira da Livraria da Vila, especialista em culinária, e Vanessa de Faria, fotógrafa especializada em gastronomia, ambas trabalhamos no blog Jeanne Moreau já sabia… temos como compromisso o que chamo carinhosamente de “Revolução das Panelas”. Ou seja, caro amigo leitor de Joyce, Benedetti, Jack London entre outros, ao entrar na cozinha… A melhor parte se divertir! Sim, cozinhar pode ser muito prazeroso e, pasmem, tem muita história na gastronomia.

Vamos começar com o delicioso livro Jantares de Cinema, da Beck Thorn, que fez um livro precioso, com boas receitas testadas. Temos desde Lagosta de Noivo Neurótico, Noiva Nervosa, passando pelo Cosmopolitan da série Sex and the City, até a Torta de Carne de Sweeney Todd.


Começamos por algo facinho e muito divertido: o Bolo de Chocolate de Bruce Bogtrotter do livro/filme Matilda. Quem não lembra, é aquele filme com Mara Wilson como a protagonista, ignorada pelos pais, superinteligente, louca por livros, e com poder de fazer as coisas voarem. Com sua inteligência ajuda os colegas a enfrentarem a Senhorita Trunchbull. Então, coloque a música “Little Bitty Pretty One” e faça o bolo de chocolate com cobertura de chocolate. Ligue a batedeira e divirta-se!

Bolo de Chocolate de Bruce Bogtrotter

Matilda (1996), dirigido por Danny DeVito

“A senhorita Trunchbull segurou todo mundo na escola até mais tarde porque este garoto comeu um pedaço de bolo de chocolate.”

Quando Bruce Bogtrotter decidiu enfrentar a malvada Senhorita Trunchbull, ele nunca poderia imaginar que acabaria comendo um bolo inteiro na frente de todos da escola… Como punição! Mas a punição acaba dando em nada quando Matilda aparece e encoraja Bruce a terminar o bolo, para delírio de todos. Quando você preparar este bolo enorme convide alguns amigos para dividi-lo. Esse, com certeza, seria o desejo de Matilda.

Rendimento: 8 pessoas
Ingredientes:

•    200 g de manteiga
•    200 g de açúcar refinado
•    3 ovos grandes ou 4 médios
•    1 ¼ xícara (chá) de farinha de trigo (150 g)
•    3 colheres (sopa) de leite
•    ½ xícara (chá) de cacau em pó (50 g)
•    3 colheres (chá) de fermento em pó
Para cobertura:
•    2/3 de xícara (chá) de manteiga (125 g)
•    ¾ de xícara (chá) de cacau em pó, peneirado (75 g)
•    1 2/3 xícara (chá) de açúcar de confeiteiro, peneirado (300 g)
•    Leite suficiente

Modo de Preparo:
1.    Preaqueça o forno a 180ºC e forre o interior de uma forma de 20 cm de diâmetro, de fundo removível, com papel manteiga.

2.    Ponha a manteiga e o açúcar numa tigela. Bata até obter uma mistura aerada e homogênea. Aos poucos, acrescente 1 ovo e 1 colher (sopa) de farinha de trigo, misturando bem a cada adição. Repita o procedimento até colocar todos os ovos e então incorpore o leite.

3.    À parte, misture bem a farinha restante com o cacau e o fermento em pó. Com uma colher, acrescente aos poucos os ingredientes secos à mistura de manteiga e ovos, sempre mexendo, até obter uma massa homogênea. Despeje a massa na forma forrada e leve ao forno para assar por cerca de 40 minutos (insira um palito no centro do bolo; se ele sair limpo e seco, o bolo estará pronto). Deixe-o esfriar na forma por 10 minutos, depois o desenforme e deixe esfriar por completo.

4.    Para fazer a cobertura, derreta a manteiga em uma panela grande. Acrescente o cacau peneirado e cozinhe mexendo sempre, por cerca de 1 minuto, e então tire a mistura do fogo. Adicione o açúcar de confeiteiro peneirado e vá acrescentando leite aos poucos, sempre mexendo, até obter uma cobertura bem fluida. Coloque a cobertura sobre o bolo e deixe esfriar bem antes de terminar de decorar.

Decoração:
Qualquer tipo de doce ou bala pode ser usado para enfeitar o bolo como este. Eu prefiro flocos de chocolate com marshmallow, mas escolha seu favorito e delicie-se. Entretanto, não siga o exemplo de Bruce e coma o bolo inteiro, a menos, é claro, que tenha sido uma ordem expressa da senhorita Trunchbull.

Jantares de Cinema – Receitas de seus filmes favoritos
Autora: Becky Thorn
Tradutor: Daniel Veloso
Editora: Gutenberg
176 pgs

Danusa Penna, hiperativa ao extremo, chef amadora, amante de livros de culinária. Acredita que as grandes mudanças podem ser feitas através das caçarolas. E vê na história da gastronomia um pouco da explicação da humanidade.

Um comentário em “[Post da colaboradora] Jantares de cinema

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *